contato@kaizenfinanciamentos.com.br

(11) 2072-9555

(11) 96612 – 6910

O que pode prejudicar a venda de um imóvel?

Além de comprar uma residência para morar, muitas pessoas têm investido nos últimos anos em imóveis, seja para uma posterior venda, seja para alugar. Portanto, se a ideia é vendê-lo, é importante estar atento para que nada possa prejudicar a venda de um imóvel. Afinal, existem situações que podem atrapalhar a venda, como questões judiciais, bem como demais circunstâncias. A boa notícia é que a maioria delas pode ser resolvida com certa facilidade.
Mãos que vão entregar uma chave

Índice

Além de comprar uma residência para morar, muitas pessoas têm investido nos últimos anos em imóveis, seja para uma posterior venda, seja para alugar. Portanto, se a ideia é vendê-lo, é importante estar atento para que nada possa prejudicar a venda de um imóvel.

Afinal, existem situações que podem atrapalhar a venda, como questões judiciais, bem como demais circunstâncias. A boa notícia é que a maioria delas pode ser resolvida com certa facilidade.

E para identificar se a sua transação pode atrasar por algum motivo continue com a leitura deste artigo. Nos tópicos a seguir, você descobre o que pode prejudicar a venda de um imóvel.

  • Preço pouco competitivo
  • Dívidas com o banco
  • Problemas de registro
  • Entraves com a prefeitura
  • Débitos com o município
  • Imóvel em inventário
  • Desavenças entre herdeiros

Preço pouco competitivo

Um dos principais motivos que pode prejudicar a venda de um imóvel é quando o seu valor está acima do mercado, o que quer dizer que ele está pouco competitivo. Por mais vantagens que ele possua, em geral, existem muitas outras pessoas vendendo imóveis.

O que significa que, muitos potenciais compradores, mesmo gostando do seu imóvel e desejando adquiri-lo, bem provavelmente, vão preferir um outro com preço mais adequado se for tão bom quanto. O seu imóvel até pode ser mais caro, no entanto, para isso é essencial que haja uma razão.

Dessa maneira, na hora de definir um valor para a residência, sala ou prédio comercial que você deseja vender cerifique-se que o mesmo está com um preço semelhante a outros locais parecidos, com o mesmo tamanho, região e condições de uso.

Além disso, uma forma de garantir a venda por um preço competitivo é tendo o auxílio de corretores de imóveis e imobiliárias experientes. Devido ao conhecimento que possuem em relação ao mercado são os que melhor podem ajudar na definição de um valor que promova uma venda ágil.

Dívidas com o banco

Outra razão para que a venda do seu imóvel não aconteça ou demore mais do que o esperado é se ele está servindo como garantia de um empréstimo que você solicitou a uma instituição financeira. Nesse caso, verifique junto ao banco se é possível vendê-lo, mas em geral isso não é comum.

Para resolver essa situação, você deve conceder ao banco uma outra garantia ou mesmo quitar a sua dívida. De todo o modo, nem tente vender o imóvel sem consultar a instituição bancária, uma vez que a sua negociação não vai evoluir.

Isso porque se a pessoa que deseja fazer a compra precisar de um financiamento, ela não vai conseguir o crédito. E caso possa pagar à vista pelo bem, posteriormente, o comprador não terá aceso ao seu registro. Ou seja, é bem possível que o comprador identificando essa situação desista da compra

Problemas de registro

A ausência do registro de imóvel ou mesmo problemas nesse documento é mais um motivo que pode atrapalhar em muito a venda do seu bem, já que certamente isso vai fazer com que o possível comprador desista de fazer negócio com você.

O registro de imóvel é o documento que garante que um bem pertence a uma determinada pessoa e se você não o possui significa que oficialmente ele não é seu e, assim, não pode realizar uma venda.

Por consequência, o comprador também não terá esse documento e da mesma forma não pode comprovar que ele é seu. Além disso, nessa situação, o imóvel é considerado irregular, inviabilizando uma posterior venda, aluguel ou mesmo usá-lo como garantia de empréstimo.

E mais, se o comprador pretende fazer um financiamento, sem o registro, o banco não vai lhe conceder o crédito. Vale saber que nesse documento constam todas as informações a respeito do histórico do imóvel, incluindo as pessoas que já foram as suas proprietárias.

Dessa maneira, no registro de imóveis deve estar o seu nome. Assim, não adianta ter o documento se não é o seu nome que aparece como proprietário. Essa é também uma razão para que o comprador desista da compra.

Entraves com a prefeitura

Entre os motivos que podem fazer com que o dono de um imóvel não tenha o seu registro é quando ele está construído em um local irregular. Uma das explicações é que as construções são erguidas em locais que não deveriam estar.

Pode ser porque a prefeitura não permite que haja prédios no local por uma série de razões ou porque a construção não está em conformidade com o que pode ser ali construído. É possível até mesmo que essa situação esteja na justiça. De todo o modo, trata-se de uma obra não regulamentada.

Se você possui um imóvel nessas circunstâncias, as chances de vendê-lo são pequenas, pois no momento que o comprador buscar os documentos do seu imóvel vai identificar que eles não existem devido a esse entrave.

Débitos com o município

Se o seu imóvel possui dívidas com o município também é bem possível que haja dificuldade em vendê-lo. Em geral, essas dívidas referem-se às contas não pagas de IPTU – Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana.

Mas também pode estar relacionado ao não pagamento da taxa de lixo ou a multas em decorrência de infrações às leis da sua cidade. A questão é que nessas situações o imóvel passa a ser considerado irregular, o que pode ser verificado pelo possível comprador quando for levantar as informações a seu respeito.

A boa notícia é que esses débitos podem ser facilmente pagos, bastando ao proprietário do imóvel procurar a prefeitura. Muitas vezes, no próprio site da prefeitura é possível gerar um boleto com a dívida a ser paga.

Uma alternativa é o comprador assumir essas dívidas, o que está previsto em lei. No entanto, esse acordo deve aparecer no contrato de compra e venda, até porque se a dívida tiver um alto valor é provável que a pessoa que adquirir o seu bem queira que o mesmo seja abatido do preço total de compra.

Imóvel em inventário

O que mais pode prejudicar a venda de um imóvel é o fato dele estar envolvido em um processo de inventário. Ou seja, se o proprietário do bem faleceu e os herdeiros não realizaram a partilha do seu patrimônio, os bens que fazem parte dele não podem ser vendidos até que o processo aconteça.

De acordo com a situação, a partilha pode levar mais ou menos meses, atrapalhando os planos de vender logo o imóvel. Por isso, assim que possível, é importante que os herdeiros do falecido agilizem a partilha para resolver a questão.

Uma forma de agilizar ainda mais o processo é se o dono do imóvel fizer um testamento. Desse modo, a partilha se torna simplificada, pois já está decidido o que vai ficar para cada herdeiro e os bens podem ser vendidos com mais rapidez, se essa for a decisão dos seus novos proprietários.

Desavenças entre herdeiros

Como dito anteriormente, para vender um imóvel em inventário é preciso que ele passe pelo processo de partilha. Se os herdeiros concordarem com a forma que a partilha será feita, o processo pode levar apenas alguns meses.

O problema é quando não há concordância com a divisão dos bens, nesse caso, a partilha pode se estender por muito mais tempo e da mesma forma o imóvel vai demorar para ser vendido.

Dito isso, se o imóvel que você deseja vender se encontra nessa situação, saiba que o melhor é que todos os herdeiros estejam em comum acordo sobre o destino do patrimônio do falecido, para que se encerre o quanto antes.

Agora que sabe mais sobre o que pode prejudicar a venda de um imóvel, escreva um comentário abaixo.

E não se esqueça de seguir a Kaizen Financiamentos no Facebook e Instagram, e se inscreva no nosso canal do Youtube e se surpreenda com nosso conteúdo por lá também.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Posts Relacionados

Mãos que vão entregar uma chave
Dicas

O que pode prejudicar a venda de um imóvel?

Além de comprar uma residência para morar, muitas pessoas têm investido nos últimos anos em imóveis, seja para uma posterior venda, seja para alugar. Portanto, se a ideia é vendê-lo, é importante estar atento para que nada possa prejudicar a venda de um imóvel.

Afinal, existem situações que podem atrapalhar a venda, como questões judiciais, bem como demais circunstâncias. A boa notícia é que a maioria delas pode ser resolvida com certa facilidade.

Clientes-recebendo-o-atendimento-de-uma-assessoria
Dicas

Assessoria de crédito imobiliário

Comprar um imóvel envolve vários processos burocráticos, e a assessoria de crédito imobiliário veio para facilitar todas as questões legais.