contato@kaizenfinanciamentos.com.br

(11) 2072-9555

(11) 96612 – 6910

Qual a renda mínima para financiar um imóvel?

Índice

Uma dúvida muito comum no momento de adquirir a casa própria é: Qual a renda mínima para financiar um imóvel?

Isso porque muitos aspectos definem um financiamento, e a maioria das pessoas não entende bem sobre o assunto.

Por isso, viemos abordar esse assunto e esclarecer as suas dúvidas para que você possa dar o próximo passo para a sua conquista com maior confiança.

Então, confira os tópicos que serão abordados ao longo do texto

Qual a renda mínima para financiar um imóvel?

Dar uma resposta exata para essa pergunta é algo complicado, pois como citado, muitos fatores influenciam a renda.

Dessa forma é necessário analisar: o valor do imóvel, o valor do financiamento, o valor da entrada, as taxas e juros, o número de parcelas e etc.

Outra questão é a possibilidade de usar o FGTS, e no caso de um imóvel novo também ganhar um subsídio.

Portanto, tudo depende dos valores, mas uma pessoa com uma renda familiar de 2.500 reais já pode conseguir um financiamento.

Quanto maior o valor da entrada e do FGTS, e menor o valor do imóvel, se torna cada vez mais fácil realizar o sonho da casa própria.

Contudo, é ideal realizar uma simulação de financiamento, assim você terá uma noção real dentro da sua realidade de como se organizar para comprar um imóvel.

Como funciona um financiamento imobiliário?

O financiamento imobiliário é como um empréstimo, o banco paga o valor do imóvel e você o restitui em parcelas com juros.

Esse financiamento também pode durar 30 anos, a entrada de um imóvel é no mínimo 20% do valor (havendo exceções) e as parcelas não podem ultrapassar 30% da renda.

Sendo assim, é ideal que antes de assumir esse compromisso você se organize financeiramente, pois o banco faz uma análise antes de aprovar o financiamento.

Nessa análise é pedido certos documentos como o RG e CPF, também será analisado a comprovação da renda por meio do: histórico de pagamento, score, se o nome está inadimplente e se há restrição interna no banco.

É ideal que o banco conclua que você é um bom pagador e que não irá gerar nenhum tipo de prejuízo financeiro para a instituição.

Portanto, nossas dicas são: reúna todos os documentos necessários, não comprometa sua renda com outro grande compromisso e movimente a sua conta corrente.

Caso você se pergunte porque agora é o melhor momento para comprar, saiba que o mercado imobiliário está se aquecendo.

Então, a tendência é que as taxas de juros aumentem e com isso o valor dos financiamentos, consequentemente o valor dos imóveis.

Dessa forma, se você pretende comprar um imóvel, busque a imobiliária em Itaquera e encontre o imóvel certo para você!

Caso queira saber mais acesse crédito imobiliário: etapas de um financiamento!

Como aumentar a renda?

Talvez você tenha se deparado com a realidade de que a sua renda não é o suficiente para comprar o tão desejado imóvel dos sonhos.

Entretanto, não precisa se estressar há formas de aumentar a sua renda sem necessariamente ter que arrumar dois empregos, confira:

Compor a renda

Uma possibilidade muito utilizada é a de compor a renda com o cônjuge ou com algum familiar, assim o potencial de compra aumenta.

Porém, as pessoas inclusas também serão analisadas e quando o imóvel for quitado serão considerados proprietários.

Então, é necessário analisar bem se essa opção é viável para a sua realidade, pois apesar da possibilidade da aprovação aumentar por conta da renda ser maior, o valor das parcelas também aumentará, já que será proporcional a renda que foi somada e apresentada.

Aumentar o valor da entrada

Outra possibilidade é dar um passo atrás temporariamente, para juntar um valor maior de entrada.

Isso porque quanto maior o valor da entrada, menor o valor do financiamento, consequentemente a renda pode ser menor também.

Além disso, as taxas de juros serão menores e o número de parcelas que se encaixam no seu bolso também pode diminuir. Dessa forma, o seu imóvel estará quitado antes do previsto,

Portanto, essa opção é muito interessante, principalmente para quem não deseja ou não pode compor a renda com outra pessoa.

Procurar juros menores

As taxas devem aumentar em um futuro próximo, e mesmo atualmente já estão num valor consideravelmente alto.

Sendo assim, é ideal encontrar a instituição financeira que te ofereça a melhor condição para você comprar o seu imóvel em um valor mais próximo do que ele realmente vale.

Para isso, é possível fazer a simulação em diversos bancos até encontrar aquele que melhor se encaixa na sua realidade.

Contudo, caso você não domine sobre esse assunto para fazer o comparativo ou não possua tempo hábil para realizar essa pesquisa.

Conte com uma assessoria de financiamento, essa empresa além de encontrar a melhor instituição para você também te auxilia durante todo o processo de financiamento.

Isso porque a empresa possui experiência no ramo, portanto, sabe como o banco funciona e explica todas as etapas para que você saiba o que está acontecendo.

Agora que sabe mais sobre qual a renda mínima para financiar um imóvel, escreva um comentário abaixo.

E não se esqueça de seguir a Kaizen Financiamentos no Facebook e Instagram, e se inscreva no nosso canal do Youtube e se surpreenda com nosso conteúdo por lá também.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Posts Relacionados

balança entre casa e dinheiro
Dicas

Como financiar um imóvel sendo autônomo

Muitas pessoas têm o sonho de financiar e conquistar seu imóvel próprio, porém, há diversas coisas que impedem alguém de conquistar esse objetivo. Hoje nós